Negócios em Foco

Macnica inaugura espaço no Ágora Tech Park com presença do presidente do Conselho do grupo japonês


Joinville/SC 19/11/2019 14h35

Subsidiária brasileira fará gestão do Perini Citylab para soluções de smart cities

Na foto, da esq.: Johnny Chan – CEO Macnica China; Francesco Guidotto – Account Manager Macnica DHW; Clodoaldo Labritz – Sales Manager Macnica DHW; Fábio Petrassem de Sousa – CEO Macnica DHW; Kiyoshi Nakashima – Presidente do Conselho do grupo japonês Ma - Divulgação Perini Business Park/Ágora Tech Park

O Perini Business Park - maior parque empresarial multissetorial da América do Sul, localizado em Joinville (SC) -, recebeu a comitiva da Macnica Inc, formada pelo presidente do Conselho do grupo japonês e presidentes das filiais na China e na América do Sul, além da diretoria do Grupo Perini e do Ágora Tech Park, para a inauguração do espaço Perini Citylab powered by Macnica. Maior distribuidor de semicondutores do Japão e o 5º maior do mundo, o grupo japonês possui equipes de desenvolvimento em soluções de Smart Cities, Mobilidade, como carros autônomos, e IoT (Internet das Coisas), em vários pontos do globo. Para ampliar sua atuação na América do Sul, especialmente no mercado brasileiro, em 2012 adquiriu a catarinense DHW. A empresa com sede em Florianópolis foi fundada pelo Engenheiro Eletricista, Fábio Petrassem de Sousa que, com a aquisição pelo grupo japonês, assumiu o cargo de Presidente da Macnica DHW.

A subsidiária é também a empresa gestora do Perini Citylab pela articulação das estratégias de integração das ações e parcerias. A empresa irá operar suas atividades como distribuidora de semicondutores, design house e desenvolvedora de soluções para transformação digital de produtos e processos por meio da tecnologia em IoT . ”A Macnica tem inserção e conhecimento junto aos maiores players de tecnologia, trazendo expertise internacional para o Perini Citylab”, afirma Marcelo Hack, presidente do Grupo Perini.

Instalados no Ágora Hub, o escritório da Macnica DHW em Joinville, o centro operacional do Perini Citylab e o observatório de Smart Cities, foram inaugurados durante a visita ao Perini Business Park, que também incluiu um tour pelos laboratórios da UFSC, Perville Engenharia, além das instalações do Ágora. O presidente do Conselho do grupo Macnica Inc., Kiyoshi Nakashima, se disse impressionado com tudo o que viu. “Estas instalações totalmente privadas oferecidas pelo Perini diferem dos ecossistemas de inovação no Japão, onde normalmente é o Governo que disponibiliza estes recursos. É um ambiente de dimensões que impressionam e que fornece uma combinação excepcional de infraestrutura, serviços e onde pessoas da indústria, da universidade, de startups podem conversar, trocar experiências e testar novas tecnologias”, disse.

Sobre a gestão da Macnica no Perini Citylab, Kiyoshi Nakashima reforçou que a expertise da companhia em desenvolver tecnologias de primeira linha, especialmente autônomas, vai fornecer às empresas que queiram testar soluções inovadoras para smart cities o suporte necessário para acelerar o processo de go-to-market. “Nosso objetivo é ser uma empresa de serviços e soluções que conecte pessoas, tecnologia e experiência na solução dos desafios do crescimento sustentável. Tecnologias convenientes, como negócios baseados em dados e IA, permitem a criação de serviços que oferecem UX (User Experiences) anteriormente inimagináveis, enriquecendo a sociedade, um cenário a caminho de se tornar realidade. A Macnica também está indo além da estrutura de ‘coisas’, como dispositivos eletrônicos e equipamentos de rede, para expandir nossas perspectivas e abranger os usuários finais dos serviços”, afirmou o presidente do Conselho do grupo japonês.

Perini Citylab – laboratório vivo e real para as cidades do futuro

O Perini Citylab é um projeto pioneiro no país por suas características únicas. Iniciativa do Perini Business Park e do Ágora Tech Park, o foco é consolidar o Perini Citylab como uma one stop-shop de cidades inteligentes, fortalecendo a vocação de Joinville como um polo internacional de inovação para a indústria 4.0 e IoT. Como living lab – laboratório vivo e real - permite que empresas, startups e pesquisadores usem a infraestrutura do Perini Business Park - maior parque empresarial multissetorial da América do Sul -, como campo de testes para tecnologias voltadas às Smart Cities. São 2,8 milhões de m² de área, 15 quilômetros de ruas internas pavimentadas, circulação diária de mais de 10 mil pessoas e 3 mil veículos, além de um sistema próprio de iluminação pública, segurança, ambulatório e mais duas operações de atendimento suplementar de saúde.

Para Fábio Petrassem de Sousa, o Perini Citylab é inovador em todos os aspectos: “este projeto traz a união da vocação para cidades inteligentes de um Parque Multissetorial que já assumiu também a posição de referência em tecnologia na região de Joinville através do Ágora Tech Park, somado ao conhecimento, a experiência e a presença global do grupo japonês Macnica, que atua na área de tecnologia para IoT e cidades inteligentes há muitos anos. O que esta combinação traz para Joinville, Santa Catarina e o Brasil, é um laboratório inovador, de soluções que vão trazer benefícios não só para a Indústria de Tecnologia no país, mas para a sociedade como um todo”.

Com conceito de cidade privada de ambiente controlado, o parque é perfeito para receber startups e empresas de diversos segmentos que queiram desenvolver, validar, implantar e demonstrar suas soluções. Desta forma, permite que as empresas simulem produtos e serviços para cidades inteligentes antes de levar para os ambientes públicos, que têm suas particularidades em termos de legislação e políticas a serem atendidas. Isso previne a mortandade de soluções que acabam sendo inviabilizadas diante das dificuldades para testar em ambientes públicos.

“Com esta iniciativa, o Perini oferece suas instalações para estabelecer parcerias com empreendedores interessados em validar ativações voltadas para cidades inteligentes com agilidade, custos competitivos, mais eficiência e conexão com o ecossistema formado por empresas, entidades governamentais, institutos de pesquisa e de inovação e universidade. Tanto para uma startup para o desenvolvimento e validação para a primeira ideia como para uma empresa multinacional que queira acelerar o processo de go-to-market. Mesmo grandes corporações globais que já atuam com soluções para smart cities não têm um espaço próprio para testes, e isso nos dá um horizonte de oportunidades e parcerias com empresas de todo o mundo”, afirma o responsável pela operação do Perini Citylab powered by Macnica, Fabricio P. Sousa, que atuará como gerente de Soluções IoT.

Inicialmente, o foco está direcionado para nove verticais: aeroespacial, agronegócio, big data, energia, gestão pública, logística, mobilidade, saúde e segurança. “As empresas com sinergia nestes segmentos podem atuar como patrocinadores, parceiros e/ou explorar o ambiente do parque com suas soluções”, explica Jean Vogel, diretor executivo do Ágora Tech Park. “A nossa visão e o nosso propósito são oferecer um grande ativo, composto pela estrutura do Perini Business Park e pelo suporte do Ágora Tech Park, para reunir condições e atores que possam acelerar a implantação de soluções de cidades inteligentes. Queremos usar a tecnologia a nosso favor para aprimorar o planejamento urbano, a mobilidade, a saúde, o uso racional de energia e a qualidade de vida”, conclui Vogel.

Parcerias e ações em andamento

As primeiraO Perini Business Park recebeu a comitiva da Macnica Inc, formada pelo presidente do Conselho do grupo japonês e presidentes das filiais na China e na América do Sul, além da diretoria do Grupo Perini e do Ágora Tech Park, para a inauguração do espaço Perini Citylab powered by Macnica. Maior distribuidor de semicondutores do Japão e o 5º maior do mundo, o grupo japonês possui equipes de desenvolvimento em soluções de Smart Cities, Mobilidade, como carros autônomos, e IoT (Internet das Coisas), em vários pontos do globo. Para ampliar sua atuação na América do Sul, especialmente no mercado brasileiro, em 2012 adquiriu a catarinense DHW. A empresa com sede em Florianópolis foi fundada pelo Engenheiro Eletricista, Fábio Petrassem de Sousa que, com a aquisição pelo grupo japonês, assumiu o cargo de Presidente da Macnica DHW.

A subsidiária é também a empresa gestora do Perini Citylab pela articulação das estratégias de integração das ações e parcerias. A empresa irá operar suas atividades como distribuidora de semicondutores, design house e desenvolvedora de soluções para transformação digital de produtos e processos por meio da tecnologia em IoT . ”A Macnica tem inserção e conhecimento junto aos maiores players de tecnologia, trazendo expertise internacional para o Perini Citylab”, afirma Marcelo Hack, presidente do Grupo Perini.

Instalados no Ágora Hub, o escritório da Macnica DHW em Joinville, o centro operacional do Perini Citylab e o observatório de Smart Cities, foram inaugurados durante a visita ao Perini Business Park, que também incluiu um tour pelos laboratórios da UFSC, Perville Engenharia, além das instalações do Ágora. O presidente do Conselho do grupo Macnica Inc., Kiyoshi Nakashima, se disse impressionado com tudo o que viu. “Estas instalações totalmente privadas oferecidas pelo Perini diferem dos ecossistemas de inovação no Japão, onde normalmente é o Governo que disponibiliza estes recursos. É um ambiente de dimensões que impressionam e que fornece uma combinação excepcional de infraestrutura, serviços e onde pessoas da indústria, da universidade, de startups podem conversar, trocar experiências e testar novas tecnologias”, disse.

Sobre a gestão da Macnica no Perini Citylab, Kiyoshi Nakashima reforçou que a expertise da companhia em desenvolver tecnologias de primeira linha, especialmente autônomas, vai fornecer às empresas que queiram testar soluções inovadoras para smart cities o suporte necessário para acelerar o processo de go-to-market. “Nosso objetivo é ser uma empresa de serviços e soluções que conecte pessoas, tecnologia e experiência na solução dos desafios do crescimento sustentável. Tecnologias convenientes, como negócios baseados em dados e IA, permitem a criação de serviços que oferecem UX (User Experiences) anteriormente inimagináveis, enriquecendo a sociedade, um cenário a caminho de se tornar realidade. A Macnica também está indo além da estrutura de ‘coisas’, como dispositivos eletrônicos e equipamentos de rede, para expandir nossas perspectivas e abranger os usuários finais dos serviços”, afirmou o presidente do Conselho do grupo japonês.

Perini Citylab – laboratório vivo e real para as cidades do futuro

O Perini Citylab é um projeto pioneiro no país por suas características únicas. Iniciativa do Perini Business Park e do Ágora Tech Park, o foco é consolidar o Perini Citylab como uma one stop-shop de cidades inteligentes, fortalecendo a vocação de Joinville como um polo internacional de inovação para a indústria 4.0 e IoT. Como living lab – laboratório vivo e real - permite que empresas, startups e pesquisadores usem a infraestrutura do Perini Business Park - maior parque empresarial multissetorial da América do Sul -, como campo de testes para tecnologias voltadas às Smart Cities. São 2,8 milhões de m² de área, 15 quilômetros de ruas internas pavimentadas, circulação diária de mais de 10 mil pessoas e 3 mil veículos, além de um sistema próprio de iluminação pública, segurança, ambulatório e mais duas operações de atendimento suplementar de saúde.

Para Fábio Petrassem de Sousa, o Perini Citylab é inovador em todos os aspectos: “este projeto traz a união da vocação para cidades inteligentes de um Parque Multissetorial que já assumiu também a posição de referência em tecnologia na região de Joinville através do Ágora Tech Park, somado ao conhecimento, a experiência e a presença global do grupo japonês Macnica, que atua na área de tecnologia para IoT e cidades inteligentes há muitos anos. O que esta combinação traz para Joinville, Santa Catarina e o Brasil, é um laboratório inovador, de soluções que vão trazer benefícios não só para a Indústria de Tecnologia no país, mas para a sociedade como um todo”.

Com conceito de cidade privada de ambiente controlado, o parque é perfeito para receber startups e empresas de diversos segmentos que queiram desenvolver, validar, implantar e demonstrar suas soluções. Desta forma, permite que as empresas simulem produtos e serviços para cidades inteligentes antes de levar para os ambientes públicos, que têm suas particularidades em termos de legislação e políticas a serem atendidas. Isso previne a mortandade de soluções que acabam sendo inviabilizadas diante das dificuldades para testar em ambientes públicos.

“Com esta iniciativa, o Perini oferece suas instalações para estabelecer parcerias com empreendedores interessados em validar ativações voltadas para cidades inteligentes com agilidade, custos competitivos, mais eficiência e conexão com o ecossistema formado por empresas, entidades governamentais, institutos de pesquisa e de inovação e universidade. Tanto para uma startup para o desenvolvimento e validação para a primeira ideia como para uma empresa multinacional que queira acelerar o processo de go-to-market. Mesmo grandes corporações globais que já atuam com soluções para smart cities não têm um espaço próprio para testes, e isso nos dá um horizonte de oportunidades e parcerias com empresas de todo o mundo”, afirma o responsável pela operação do Perini Citylab powered by Macnica, Fabricio P. Sousa, que atuará como gerente de Soluções IoT.

Inicialmente, o foco está direcionado para nove verticais: aeroespacial, agronegócio, big data, energia, gestão pública, logística, mobilidade, saúde e segurança. “As empresas com sinergia nestes segmentos podem atuar como patrocinadores, parceiros e/ou explorar o ambiente do parque com suas soluções”, explica Jean Vogel, diretor executivo do Ágora Tech Park. “A nossa visão e o nosso propósito são oferecer um grande ativo, composto pela estrutura do Perini Business Park e pelo suporte do Ágora Tech Park, para reunir condições e atores que possam acelerar a implantação de soluções de cidades inteligentes. Queremos usar a tecnologia a nosso favor para aprimorar o planejamento urbano, a mobilidade, a saúde, o uso racional de energia e a qualidade de vida”, conclui Vogel.

Parcerias e ações em andamento

As primeiras parcerias do Perini Citylab envolveram a própria Macnica DHW, Prefeitura de Joinville, ACATE (Associação Catarinense de Tecnologia), Icities, ABII (Associação Brasileira de Internet Industrial), Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem, Go Moov e Waze. O Perini Citylab também já firmou memorando de entendimento com o Ministério do Comércio do Reino Unido, que permite a cooperação e troca de experiências entre o ecossistema de Santa Catarina e instituições de pesquisa e empresas britânicas, além da realização de missões bilaterais de negócios.

Assessoria do Perini Business Park

s parcerias do Perini Citylab envolveram a própria Macnica DHW, Prefeitura de Joinville, ACATE (Associação Catarinense de Tecnologia), Icities, ABII (Associação Brasileira de Internet Industrial), Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem, Go Moov e Waze. O Perini Citylab também já firmou memorando de entendimento com o Ministério do Comércio do Reino Unido, que permite a cooperação e troca de experiências entre o ecossistema de Santa Catarina e instituições de pesquisa e empresas britânicas, além da realização de missões bilaterais de negócios.

Assessoria do Perini Business Park


Mais informações:

Contato | Anuncie
Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com