Negócios em Foco

Facilitar a secagem do leite garante conforto e manutenção da saúde das vacas, diz veterinário paulista


São Paulo 18/06/2020 09h48

Com quase duas décadas de profissão, o médico veterinário Tiago Carneiro tem atuado fortemente na melhoria do bem-estar de vacas, especialmente durante a secagem do leite, período importante para garantir a saúde antes da próxima lactação e diminuir o estresse e a dor causados pelo excesso de secreção nas glândulas mamárias.

"Escolhi a profissão por amor aos bichos", conta Tiago, que tem 42 anos e se formou no Centro Universitário Octávio Bastos (Unifeob), em São João da Boa Vista (SP), onde nasceu. "Ao longo do tempo, tenho sido movido por desafios e quero ajudar cada vez mais a melhorar a qualidade de vida dos animais, especialmente os de produção", destaca. A reprodução bovina é uma de suas áreas preferidas.

Como solução para o manejo da interrupção da lactação, o veterinário indica aos seus clientes o uso de Velactis, único facilitador de secagem do leite do mercado brasileiro, produzido pela Ceva Saúde Animal com tecnologia exclusiva. A empresa, de origem francesa e presente no Brasil há 20 anos, é uma das cinco maiores indústrias do mundo no setor.

"O período seco é crucial para a maximização da produtividade na lactação seguinte. Por isso, a produção de leite precisa ser interrompida. Quando as vacas estão produzindo muito, o manejo tem de ser feito de forma correta. Caso contrário, os animais podem sentir dor. O uso de Velactis, principalmente nessa situação, ameniza esses efeitos", destaca o veterinário.

Com a manutenção do bem-estar animal, a próxima lactação fica garantida, assim como são reduzidas as chances do desenvolvimento de mastite. Estudo recente da conceituada publicação científica americana Journal of Dairy Science apontou que Velactis reduz em 21% o risco de infecções intramamárias durante o período seco e também no pós-parto.

"Eu uso Velactis nos animais de meus clientes e esse produto sempre funcionou muito bem. Além disso, temos estudos que indicam que o uso de Velactis também diminui a contagem de células somáticas (CCS) de vacas recém-paridas, o que significa que também ajuda os animais a ficarem mais sadios", finaliza Tiago Carneiro.

Vendedor técnico de campo da Ceva, Giulianno Puccini atende Tiago Carneiro e reconhece a qualidade do trabalho desenvolvido pelo veterinário. "Tiago realiza um excelente trabalho em uma grande fazenda em Tapiratiba (SP). Velactis tem garantido o conforto das vacas da propriedade", diz Puccini.

Contato | Anuncie
Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com