Negócios em Foco

Quer proteger a sua empresa? Saiba como investir em segurança digital


São Paulo - SP 05/07/2018 17h45

Uma pequena falha na segurança digital das empresas é a brecha necessária para que hackers invadam os sistemas e roubem dados das empresas, seus clientes e fornecedores, causando diversos prejuízos. Quer saber como proteger a sua empresa de ameaças e ataques virtuais? Confira nossas dicas!

DINO

A internet oferece diversos benefícios para as empresas, que estão cada vez mais conectadas, mas esse cenário também pode se tornar problemático caso certos cuidados não sejam tomados. Uma pequena falha na segurança digital das empresas é a brecha necessária para que hackers invadam os sistemas e roubem dados das empresas, seus clientes e fornecedores, causando diversos prejuízos. Investir em segurança digital é essencial para todas as empresas, sejam elas pequenas, médias ou grandes. Quer saber como proteger a sua empresa de ameaças e ataques virtuais? Confira nossas dicas!

Firewall, antivírus e antispam
Manter essas ferramentas instaladas e atualizadas é primordial para garantir a segurança digital. São diversas portas de entradas de vírus dentro de uma empresa, como os e-mails, pendrives, dispositivos móveis, navegação web, entre outros, garantir que qualquer ameaça será bloqueada e que todos os pontos sejam isolados é essencial para manter os dados a salvo.

De acordo com a Olitel , empresa de integradora de tecnologias em TI e Telecomunicações, a qualidade e os benefícios oferecidos por esses softwares também interferem na segurança digital. "Os gestores de TI devem optar por firewalls mais robustos, que garantam a completa proteção dos dados da empresa", afirma.

Atualização
Manter aplicativos e programas atualizados é fundamental para correção de possíveis erros ou bugs que possam causar falhas de segurança. Em algumas empresas, a atualização de softwares é deixada de lado por falta de tempo da equipe de TI, tornando o sistema mais suscetível a ataques de cibercriminosos, resultando em mais trabalho e problemas no futuro.

Criptografia
Vamos imaginar um cenário em que o hacker consiga acessar os dados da empresa, se eles estiverem criptografados impedirá que eles sejam decifrados e utilizados para prejudicar a empresa. Algumas empresas afirmam que evitam a criptografia por tornar os processos mais lentos, porém os ganhos em segurança são amplos.

A criptografia é indicada principalmente para empresas com um fluxo de dados sensíveis, como financeiros, jurídicos, de parceiros comerciais e segredos industriais.

Limite de acesso
Conceder aos funcionários apenas o acesso necessário para realização de suas funções é uma forma de evitar que haja erros e problemas com roubo de dados. Na maioria das vezes, o erro humano é o responsável pelas brechas de segurança. O controle de informação e inclusão de marcas d’água dificulta a utilização indevida de informações.

Política de segurança da informação (PSI)
Estabelecer regras sobre o acesso aos dados da empresa é uma forma de manter as informações seguras. As normas devem abranger ações internas e externas que podem expor a empresa a ameaças digitais, além de explicitar a responsabilidade sobre a segurança digital da empresas e penalidades cabíveis em caso de desrespeito às normas estabelecidas.


Mais informações:

Divulgado por

Contato | Anuncie
Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com