Negócios em Foco

Fundada por líderes de tecnologia, nasce a Soul Code Academy, nova edtech brasileira


São Paulo 21/12/2020 16h50

Escola de programação e inclusão digital visa impacto social por meio de capacitação gratuita em programação e ponte para empregabilidade. Inscrições para 1ª turma abriram dia 15/12

Fabricio Cardoso, cofundador e diretor geral da Soul Code Academy, a nova edtech brasileira - Divulgação

Em meio à maior pandemia do planeta, em face à alta demanda de profissionais capacitados na área de programação, após anos de estudos e visitas às escolas de programação mais conceituadas da Europa e Estados Unidos, nasce a Soul Code Academy, uma edtech brasileira de inclusão digital e impacto social. O projeto foi idealizado por profissionais renomados do setor de tecnologia e liderado por Fabrício Cardoso e Juana Pinkalsky, que entendem que através da formação em programação e ponte para empregabilidade, podem apoiar o início e a ressignificação da carreira de milhares de pessoas.

“Hoje, vários estudos indicam que existem mais de 500 mil vagas abertas no mercado brasileiro, e 15 milhões de pessoas em busca de trabalho, subempregadas ou descontentes com seus empregos. Inconformados com este paradigma, e focados no propósito de cobrir esse abismo social por meio da tecnologia, criamos a Soul Code Academy. Nosso objetivo é formar programadoras e programadores, de todas as idades, em web full stack júnior. A qualidade do aprendizado e a formação serão a alma dos nossos coders”, afirma Fabricio Cardoso, diretor geral da empresa no Brasil.

Além da capacitação e empregabilidade, a edtech tem foco em inclusão e diversidade. “A Soul Code Academy nasce para contribuir com a diminuição do gap de programadores especializados em aplicações de mobile, web e em nuvem, que são extremamente escassos no mercado de trabalho atual e, ao mesmo tempo, colabora em suas metas ESG”, ressalta Silvio Genesini, Investidor e Conselheiro da Soul Code Academy.

“Somos uma escola inclusiva, que através de metodologia própria, capacita e educa em tecnologia e gera oportunidades de emprego, para todas as gerações, no início ou na ressignificação da carreira”, ressalta Juana Pinkalsky, Diretora acadêmica e líder de inclusão e diversidade. “Acreditamos que programação seja uma profissão que fomenta o bem-estar físico e mental, e permite o equilíbrio entre a vida profissional e pessoal, por meio do trabalho remoto, com flexibilidade de horários. Além disso, é um negócio sustentável e responsável socialmente”, conclui ela.

O modelo de negócios da edtech oferece, além dos cursos gratuitos, opção de turmas fechadas para as empresas, com participação apenas de seus colaboradores, on demand, conforme a necessidade digital e de transformação tecnológica que a empresa necessite.

Os cofundadores Fabricio Cardoso, executivo sênior de tecnologia, com passagens em cargos de liderança na IBM, Microsoft, Oracle, EY e Kenshoo e Juana Pinkalsky que liderou o Oracle Academy, área de educação da Oracle assumem a liderança da operação da escola; ele como diretor geral e ela como diretora acadêmica e líder de Inclusão e diversidade. A edtech ainda conta com Carmela Borst, também cofundadora e conselheira executiva da área de marketing de tecnologia, reconhecida por trabalhos de impacto social e conselheira em ONGs, como Gerando Falcões, Casa do Zezinho e Instituto Ser+.

Outros executivos de peso no mercado compõem seu Conselho: Silvio Genesini, investidor e conselheiro, é uma das maiores autoridades sobre transformação digital, telecomunicações e tecnologia no Brasil, foi também presidente do Grupo Estado, presidente da Oracle do Brasil e sócio-diretor da Accenture. No Conselho Consultivo Alessandra Bomura, CIO Latam da Logicalis, mentora de transformação digital e projetos de impacto social, atuou como CIO na GVT e na Vivo. Outros nomes de destaque como Gil Giardelli, professor e renomado futurista digital, Valéria Soska, VP de Vendas da SAP Concur para América Latina e Vitor Cavalcanti, CEO do Movimento Brasil Digital, também compõem seu Conselho Consultivo.

Metodologia exclusiva:

Sua metodologia, baseada no conceito global de “Tech for Good”, cujos cinco pilares para transformar o mundo são: educação, diversidade, saúde, longevidade e sustentabilidade, é ágil e desenvolvida com exclusividade, para garantir a qualidade do aprendizado. Com turmas reduzidas, aulas online, em português e ao vivo, permite formato peer to peer, com foco em projeto e conteúdo, hands on, com professores brasileiros e experiência na realidade do país. Além da capacitação técnica, também serão desenvolvidos aspectos comportamentais. O curso tem duração de 16 semanas, com aproximadamente 700 horas de aulas teóricas e práticas, e apresentação de um projeto final em quatro semanas.

Primeira turma:

Qualquer pessoa pode se beneficiar do curso de capacitação em Web Full Stack Junior, da Soul Code Academy para dar um novo sentido à sua vida. Os interessados em participar das aulas deverão passar por um processo seletivo, por meio de uma prova de lógica. Os finalistas serão selecionados após entrevistas e workshops com especialistas em RH e tecnologia.

As inscrições para a turma de 26 janeiro de 2021 já estão abertas. Para saber mais, clique em: www.soulcodeacademy.org

Sobre a Soul Code:

Soul Code Academy é uma edtech brasileira, escola de programação e inclusão digital, com metodologia proprietária. Sua missão é gerar impacto social, através da capacitação tecnológica, com foco em inclusão, diversidade e empregabilidade.


Mais informações:

Contato | Anuncie
Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com