Negócios em Foco

Educação e prevenção são essenciais para a redução do câncer no Brasil


São Paulo, SP 13/09/2018 10h46

Sociedade Brasileira de Cancerologia apresenta propostas da nova diretoria para ações de combate à doença

Da esq. p/ dir: Dr. Hézio Jadir, Dr. Ricardo Antunes, Ana Paula Pimenta e Dr. Tércio Genzini durante evento de posse da presidência da SBC - Foto de divulgação

Ações de prevenção e controle do câncer estão sendo planejadas pela nova diretoria da SBC - Sociedade Brasileira de Cancerologia -, que acaba de tomar posse sob a presidência do cirurgião oncológico Ricardo Antunes.

Segundo o novo presidente da SBC, a incidência de câncer no Brasil e no mundo é uma questão de saúde pública. Os dados são preocupantes: 14 milhões de novos casos da doença são registrados a cada ano em todo o mundo, aponta a Organização Mundial de Saúde (OMS).

Atualmente, o câncer é a segunda causa de mortes em todo mundo, e a OMS calcula que cresçam em 70% os casos da doença nas próximas décadas. No Brasil, estima-se que ocorrerão mais de 600 mil novos casos somente neste ano, segundo dados do Inca (Instituto Nacional de Câncer).

Sob a nova diretoria, a SBC reafirma o seu papel social na luta contra a doença, firmando acordos de cooperações com renomadas entidades internacionais, entre elas, a OMS, OPAS (Organização Pan-Americana da Saúde), American Cancer Society e a FESCAS (Federação das Sociedades de Cancerologia da América do Sul).

"A prioridade da SBC é realizar trabalhos conjuntos nas áreas de educação e prevenção para controle do câncer, aproveitando a grande expertise dessas renomadas instituições. No Brasil, a SBC atua em colaboração com o Ministério da Saúde através do Inca e está integrada a todas as entidades representantes do setor", afirma Ricardo Antunes.

O presidente da SBC destaca que a Assembleia Mundial da Saúde da ONU aprovou, em 2017, uma resolução para reduzir a mortalidade prematura por câncer através de uma abordagem integrada entre a OMS e os governos.

"Estamos conectados à essa luta mundial, especialmente porque cerca de 1/3 dos cânceres podem ser evitados. Pesquisas científicas indicam que em cada 10 casos, três estão relacionados ao estilo de vida que as pessoas levam. Hábitos como tabagismo, consumo de álcool, sedentarismo, obesidade, alto consumo de alimentos processados e exposição excessiva ao sol aumentam as chances de incidência da doença", alerta Antunes.

Para o novo presidente da Sociedade Brasileira de Cancerologia, o trabalho da entidade é importante para o combate e a prevenção do câncer no país. De um lado, participando de ações educativas e, de outro, promovendo encontros científicos e debates com especialistas para atualização dos médicos de todo país.

História

Fundada em 1946, a Sociedade Brasileira de Cancerologia (SBC) é uma entidade civil e científica, de direito privado e sem fins lucrativos. A SBC é a mais antiga instituição no gênero da América do Sul e sua diretoria é composta pelos mais importantes especialistas em câncer no país. Estudar e debater todos os problemas de combate ao câncer no Brasil estão entre os principais objetivos da SBC.


Mais informações:

Divulgado por

Contato | Anuncie
Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com