Negócios em Foco

Produção de móveis do RS cresce 6,1% em abril e fica próxima do crescimento nacional


Bento Gonçalves 04/07/2019 08h37

No período, foram 6,6 milhões de peças. No acumulado do ano, setor registrou alta de 5,6%

O relatório ‘Conjuntura e comércio externo do setor de móveis no Brasil’ de junho de 2019, com dados de abril e maio, produzido pelo IEMI – Inteligência de Mercado e encomendado pela Associação das Indústrias de Móveis do Estado do Rio Grande do Sul (Movergs), apresenta números bastante animadores para o setor moveleiro gaúcho.

A produção de móveis no Rio Grande do Sul foi de 6,6 milhões de peças no mês de abril de 2019, representando crescimento de 6,1% em relação ao mês anterior, próximo do crescimento nacional. No acumulado do ano, na comparação com o mesmo período do ano anterior, a produção industrial do Estado cresceu 5,6%, ao contrário da queda registrada na indústria do País de 3,6%. Da mesma forma, no acumulado nos últimos 12 meses, a variação da indústria gaúcha ficou positiva em 5,6% enquanto o da indústria nacional teve retração de 3,7%, de acordo com números do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Para o presidente da Movergs, Rogério Francio, os indicadores são muito bons se comparado há anos anteriores, um sinal de que a indústria moveleira começa a colher os frutos de ações tomadas durante a crise, como investimentos em tecnologia, negociação com fornecedores de matérias-primas e busca de novos mercados. “O ano de 2019 tem tudo para ser melhor, estamos entusiasmados”, ressalta.

Exportações

Em maio de 2019, as exportações gaúchas avançaram 16,1%, somando US$ 16,2 milhões. Dentre os estados exportadores de móveis, destaque para a região Sul, com Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná sendo responsáveis por 86,2% dos valores exportados no período. O estado de São Paulo vem logo a seguir, com 10,6%.

Como países de destino das exportações de móveis do Rio Grande do Sul, em maio os Estados Unidos aparecem em primeiro lugar, com 19,2% dos valores exportados, seguido pelo Uruguai com 14,6% e Reino Unido, com 13,5%. Chamou a atenção o expressivo crescimento de 520,0% da Índia em relação ao mês anterior.

Consumo aparente

Apenas no Rio Grande do Sul, o volume do consumo aparente em abril foi de 5,9 milhões de peças, apresentando aumento de 7,5% em relação ao consumo registrado no mês anterior. No acumulado do ano houve crescimento de 3,1% e nos últimos 12 meses 6,7%.


Mais informações:

Contato | Anuncie
Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com