Negócios em Foco

6 dicas de manutenção dos cabos elétricos da sua casa


São Paulo 03/12/2019 10h37

A manutenção da parte elétrica de uma casa é muito importante não só para que haja o bom funcionamento e andamento da casa, mas para garantir a segurança dos moradores e o perfeito estado de conservação do móvel.

Instalações antigas e fiações desgastadas colocam a casa em risco e aumentam as chances de choques elétricos, curtos-circuitos, estragos em aparelhos e até incêndios.

Pensando nisso, é muito importante cuidar bem da instalação dos cabos elétricos e realizar a manutenção preventiva de tempos em tempos.

Por isso, preparamos este conteúdo com 6 dicas para realizar a manutenção dos cabos elétricos da sua casa. Confira!

Atente-se aos sinais de perigo

Quando nota-se problemas óbvios, como fios desencapados, picos de energia, cheiro de queimado, conta de luz elevada, temperatura alta nas tomadas e nos aparelhos eletrodomésticos estragando sem motivo aparente, fique atento.

Isso pode indicar que as instalações elétricas realmente estão comprometidas. Nesse caso, é importante que os reparos sejam feitos imediatamente.

Tenha cuidado com a instalação periodicamente

Conforme os problemas forem surgindo, é necessário realizar o conserto de maneira periódica.

Mas tão importante quanto realizar a manutenção periódica é fazer a manutenção preventiva, mesmo quando não houver nenhum problema evidente.

Aproveite esse momento para realizar a substituição de tomadas, benjamins, interruptores, cabos e fios comprometidos. Pode ser necessário também fazer a troca de alguns disjuntores, mas isso será alertado pelo eletricista responsável pela manutenção.

Faça da proteção da rede elétrica uma prioridade

Um cuidado que se torna indispensável na manutenção de redes elétricas é fazer um investimento em dispositivos de proteção, como o Diferencial Residual (DR), por exemplo. Esse dispositivo protege tanto animais como pessoas do efeito de um possível choque elétrico.

Outro elemento que também é muito importante no cuidado das redes elétricas é o aterramento, que deve ser feito com muito cuidado e atenção.

Faça o dimensionamento dos cabos

Na manutenção da rede elétrica é muito importante fazer a verificação do dimensionamento dos cabos e fios, para saber se são suficientes.

O ideal é que a bitola (largura do fio) respeite as normas da ABNT, mais precisamente a NBR-5410.

Além disso, a fiação precisa ser bem instalada e contar com boas conexões para prevenir fios derretidos, choques elétricos e o cheiro de queimado.

Não confie em gambiarras, improvisos e sobrecargas

Não adianta fazer a manutenção se, no dia a dia, erros graves como ligar diversos aparelhos em uma única tomada, usar benjamins demais, emendar fios de forma inadequada ou utilizar aparelhos de potência incompatível com a rede elétrica são cometidos.

Faça a contratação de um bom profissional

O recomendado é que todas as manutenções nas redes elétricas sejam feitas por um especialista. Não é ideal que ligações de tomadas, alterações nos disjuntores ou adaptações nas instalações elétricas sejam feitos por conta própria.

O importante é que você realize as medidas preventivas, como ficar de olho nas instalações, ficar atento à temperatura e ao funcionamento dos aparelhos, mantenha tomadas e disjuntores distantes da pia e focos de umidade, entre outros cuidados.

Vale ressaltar que cuidar das instalações elétricas é indispensável, não só quando surge algum problema ou uma reforma exija.

Aposte na manutenção das redes elétricas para se livrar de transtornos e dores de cabeça. Gostou das nossas dicas?


Mais informações:

Contato | Anuncie
Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com