Negócios em Foco

Dicas de bem-estar para reduzir o estresse


21/05/2019 11h51

O estresse é um dos maiores fatores de risco para infartos. Os dados são de uma pesquisa recente realizada em Harvard, uma universidade dos EUA. Por isso, é possível dizer que manter a calma pode salvar vidas.

DINO

Nem sempre é fácil manter a calma em situações que deixam "os nervos à flor da pele". No entanto, algumas dicas podem ser úteis. A primeira é identificar quais são os motivos que causam o estresse. 

Algumas pessoas se sentem muito estressadas por conta do trabalho ou por conta de alguma relação interpessoal. O ideal é conseguir se distanciar daquilo que causa o desconforto. Isso pode significar cortar alguma relação nociva ou mudar de ambiente.

Para a psicoterapeuta Myriam Durante, o ideal é dizer aquilo que incomoda, não a fim de gerar confronto, mas se colocar para essa pessoa que nos prejudica. Infelizmente, em locais como o trabalho, por exemplo, isso nem sempre é possível.

Nos casos em que não é possível cortar o mal pela raiz, existem algumas dicas para driblar o estresse. A psicóloga especialista em estresse, Ana Maria Rossi, afirma que não devemos reagir a tudo. Precisamos selecionar aquilo que vai nos incomodar: “Tem aqueles que estão super-reagindo a tudo: ao trânsito, à fila, à pessoa que não os olhou. Temos que aprender a ‘surfar’ pelas adversidades”, afirma.

Dicas para ficar mais calmo

Algumas medidas para aliviar os sintomas do estresse: 

  • Praticar atividade física: esta é uma das formas mais eficazes de reduzir o estresse. Os exercícios ajudam o corpo a liberar endorfina. Esse hormônio é responsável pela sensação de relaxamento. Além disso, a atividade física cansa o corpo e faz com que a pessoa durma melhor durante a noite.

 

  • Ter um hobby: muitas vezes o estresse também é gerado por conta da rotina. Quem só trabalha, estuda ou cuida da família nem sempre tem tempo para o lazer. Por isso, o ideal é descobrir o que mais se gosta de fazer. Pode ser pintura, jardinagem, leitura, academia, entre outros.

 

  • Cuidar da alimentação: ingerir frutas e verduras ajuda a equilibrar os nutrientes no corpo. Esse equilíbrio é fundamental para manter a mente e o organismo sãos. Além disso, é preciso evitar alimentos estimulantes como o café, álcool e outras drogas.

 

Homeopáticos ajudam no tratamento do estresse

Os tratamentos homeopáticos atuam junto ao sistema nervoso e em conjunto com todas as dicas acima, pode auxiliar no controle do estresse.

Entre as opções disponíveis no mercado Nervocalm® mostra-se como opção segura e eficaz nos tratamentos de ansiedade, estresse, depressão, insônia, entre outros problemas nervosos.

Este medicamento é de origem natural e age equilibrando o organismo, podendo atenuar a intensidade e espaçar as crises até a eliminação completa dos sintomas citados.

Combater o estresse é fundamental para ter uma vida mais saudável e evitar as doenças do coração.


Mais informações:

Divulgado por

Contato | Anuncie
Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com