Negócios em Foco

O futuro da monetização: como os publishers digitais de hoje estão se preparando para o amanhã


São Paulo-SP 27/02/2020 13h30

É um momento estratégico para a mídia digital. Cada vez mais, os consumidores dependem de canais digitais para aprendizado, entretenimento e compras. Um relatório recente descobriu que, em abril de 2019, quase 4,4 bilhões de pessoas, ou 58% da população mundial, está online.

Com um público online cada vez maior e uma crescente concorrência entre publishers e produtores de conteúdo, é cada vez mais essencial se aprender rapidamente como ganhar dinheiro com seu conteúdo e sua plataforma.

Se você está se perguntando como investir seu tempo e esforço para monetizar seu conteúdo digital, veja o que alguns dos publishers mais experientes do mundo estão fazendo hoje para alcançar o sucesso financeiro de amanhã.

A ascensão do assinante.

Paywalls, walled gardens, pay-to-play, qualquer que seja o termo usado, é difícil não perceber o número crescente de oportunidades de assinantes e filiações para usuários on-line.

Karen Eccles, diretora de inovação comercial do jornal britânico The Telegraph, é sincera quanto à importância dos assinantes para o futuro de sua publicação.

"Desenvolvmos uma abordagem focada em afiliações para nossos leitores", explicou ela.

A disposição dos leitores online, especialmente os jovens, de pagar por 'notícias reais' e 'conteúdo de qualidade' torna o atendimento a esses assinantes pagos uma prioridade acima de todas as outras formas de monetização do veículo.

Esse fluxo de receita recorrente dos assinantes ajuda a suavizar os altos e baixos do fluxo de caixa que atormenta a maioria dos portais e veículos de conteúdodigitais.

Reforçando os Vídeos Online

Aqueles com visão de futuro também aproveitam o poder das novas tecnologias de vídeo para fornecer o conteúdo visual que os usuários desejam e estão dispostos a pagar.

Em uma entrevista ao Exchange Wire em meados de 2018, Emma Winchurch-Beale, presidente do World Media Group e diretora internacional de vendas do jornal norte-americano The Washington Post, explicou o modo como os anunciantes atraem uma nova audiência utilizando tecnologias recentes - o que é uma boa notícia aos publishers:

“A evolução da RA/IA [realidade aumentada e inteligência artificial] e das tecnologias de vídeo 360 contribuirá para gerar receita para os publishers, permitindo que os anunciantes literalmente transportem clientes para um destino ou evento e a contar histórias de uma maneira cada vez mais envolvente e impactante".

Os publishers digitais inteligentes também têm aproveitado o conteúdo visual de alta qualidade por meio de plataformas como Taboola, Facebook e Instagram Stories, IGTV e YouTube.

Meios como o Twitch, que começou como uma plataforma de transmissão ao vivo para jogadores e expandiu para atividades de transmissão ao vivo, como culinária e artesanato, permitem que os editores de vídeo monetizem seus vídeos de diversas maneiras inovadoras.

Isso inclui assinaturas pagas e adição de anúncios ao fluxo de vídeo para evitar a detecção dos aplicativos que bloqueiam anúncios.

Não abandone a publicidade

Apesar do aumento de outras formas de monetização, a publicidade ainda possui um fluxo de receita significativo. Na realidade, a crescente diversidade de canais digitais oferece a eles um maior espaço digital para oferecer a seus anunciantes.

Durante a AdvertisingWeek’s Future of Publishing, Hamish Nicklin, diretor de receita da empresa multimídia do Reino Unido Guardian News & Media, discutiu como o The Guardian está trabalhando para diversificar seus canais e, assim, se conectar melhor ao público e às marcas.

"O que isso significa no mundo da publicidade, é o aumento de oportunidades para que as pessoas façam parceria conosco", afirmou. “Imprimimos, trabalhamos com áudio, fazemos vídeo, temos muitos canais diferentes e maneiras de nos comunicarmos com os leitores e também com as marcas. E isso é apenas uma evolução da abordagem tradicional".

Além dos sites de notícias, a receita da publicidade continua oferecendo uma sólida estratégia de monetização para outros tipos de criadores de conteúdo e editores digitais.

"A publicidade é uma parte essencial da experiência do Twitch, porque é assim que os criadores de conteúdo geram grande parte de sua receita na plataforma", explica Steve Ford, vice-presidente de vendas do Twitch na Europa.

Diversificação dos fluxos de renda ... Dentro dos fluxos de renda

Observando as atividades de monetização de players experientes é óbvio que a diversificação dos fluxos de renda é crucial.

Em todos os lugares, os publishers estão desenvolvendo e implementando planos para ganhar dinheiro com atividades como inscrever assinantes/membros, introduzir ou expandir plataformas de comércio eletrônico para vender produtos digitais ou mercadorias tangíveis, geração de leads e publicidade. Ninguém está se concentrando em uma única fonte de renda.

Há também um movimento para diversificar as oportunidades de lucro em cada fluxo de renda.

Durante o evento Advertising WeekPete Wootton, diretor digital da editora Dennis Publishing, com sede no Reino Unido, explicou que a publicidade oferece várias oportunidades diferentes de fonte de renda.

“[Você pode] diversificar na publicidade de diferentes maneiras, como parceria de conteúdo e publicidade nativa, maximizando a receita do leitor e a estratégia de afiliados”, apontou

Posicione sua publicação digital para ter sucesso em um mundo online cada vez mais movimentado, com uma estratégia de monetização forte, porém diversa.

Forneça conteúdo de qualidade aos seus assinantes pagos, aumente o conteúdo do vídeo e diversifique as oportunidades de lucro em cada fonte de renda. A implementação dessas estratégias hoje fará toda a diferença para o seu sucesso amanhã.


Mais informações:

Contato | Anuncie
Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com