Negócios em Foco

40tena Cultural apresenta show com Gustavo Infante


Ribeirão Preto 19/10/2020 18h34

A agenda da 40tena Cultural, projeto desenvolvido pela Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto, traz nesta semana o show on-line com o compositor, violinista e cantor, Gustavo Infante. A apresentação faz parte do lançamento do álbum de estreia SER que tem produção de Sérgio Machado e participação especial do guitarrista Guilherme Held.

O show acontece na sexta-feira, dia 23, às 21h, pela nova plataforma da entidade (https://www.fundacaodolivroeleiturarp.com/), no canal do Youtube (https://www.youtube.com/user/FeiraDoLivroRibeirao) e no Facebook da Fundação: (https://www.facebook.com/fundacaolivrorp)

Neste show de estreia do álbum SER, Gustavo Infante apresenta uma sonoridade incomum criada a partir de seu violão e de sua voz, com samplers de Sérgio Machado, e participação especial do guitarrista Guilherme Held. O novo disco, produzido por Sérgio Machado (Plim), conta com as participações especiais de Juçara Marçal (voz), Guilherme Held (violão) e Lívia Carolina (percussão). O projeto é um lançamento do Coletivo Selo Disgrama (@disgramaofficial) no qual Gustavo Infante colabora conjuntamente com Sergio Machado, Lello Bezerra, Everton Santos, Violence e Bebé Salvego. A temática das canções dialoga com mitos e arquétipos, como orixás e santos. O repertório é composto por canções como “Comedor de Caracóis”, “Rio Mãe”, “Canto”, “Casa Branca”, “Ser”, “Navegantes”, “Entre Mundos”, “Caramujo”, “Etéreo” e “Vórtex”. O projeto SER foi realizado com o apoio do Governo do Estado de São Paulo, Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e ProAC.

Gustavo Infante é mestre em Música pela Unicamp e atua como violonista, compositor e cantor do seu trabalho autoral. Em 2016, lançou de forma independente, o EP Transe, ao lado da percussionista Lívia Carolina. Foi violonista do Quitento ColoQuial e, com o grupo, participou do festival Mendoza en Bossa, na Argentina. Em maio de 2013, o grupo lançou o disco Mergulho. Tem parceria com a artista Letícia Rodrigues em trabalhos de dança com música ao vivo e no primeiro semestre de 2019, circularam com o espetáculo “0 (Zero)”.

Clube do Livro

A programação do 40tena Cultural desta semana traz ainda mais uma edição do Clube do Livro, no sábado (24/10), às 16 horas, mediado pela bibliotecária e curadora do grupo, Gabriela Pedrão. Neste sábado, o encontro irá debater a obra “A Redoma de Vidro”, da poetisa norte-americana Sylvia Plath. Este é único romance da escritora, publicado em 1963, que conta a história da jovem Esther Greenwood, que aos 18 anos sai dos subúrbios de Boston para uma prestigiosa universidade em Nova Iorque. A partir disso, a rotina da garota passa a se dividir entre o trabalho e a intensa vida social.

Há quem diga que a obra é um livro autobiográfico, apesar dos nomes de pessoas e lugares serem outros, porém, a doença mental abordada na protagonista é bastante semelhante com as experiências da autora. Sylvia Plath, que sofria de transtorno bipolar e depressão clínica, aos 30 anos de idade cometeu suicídio - um mês depois da primeira publicação da obra.

Segundo a curadora do projeto, Gabriela Pedrão, a obra de Sylvia Plath foi escolhida pelo grupo pela escrita moderna que o livro traz. “Mas, o que chama a atenção é o fato de ‘A Redoma de Vidro’ não ser exatamente uma obra bibliográfica, mas ter a vida da autora lá. Então, se torna um romance delicado por abordar a depressão, principalmente na realidade que estamos vivendo agora, de pandemia e isolamento social. São questões importantes para serem discutidas”, explica Gabriela. O encontro acontece pela plataforma Zoom e pelo novo site da Fundação.

No próximo encontro, haverá a seleção das obras para o ano de 2021. “Estou ansiosa para saber as indicações dos participantes do Clube do Livro”.

40tena Cultural

Durante mais de sete meses de programação consecutiva, a 40tena Cultural já realizou mais de 60 atividades e interagiu com mais de 25 mil pessoas. O projeto, realizado pela Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto, tem como proposta incentivar as pessoas a ficarem em casa durante o período de isolamento social, em virtude da pandemia do coronavírus (Covid-19). Semanalmente são divulgadas atividades que abrangem desde as transmissões ao vivo com artistas e convidados até contação de histórias para crianças, shows, dicas e discussões de livros. Para acompanhar a programação semanal, basta acessar as redes sociais da Fundação do Livro e Leitura:

Instagram (@fundacaolivrorp)

Facebook (facebook.com/FundacaodoLivroeLeituraRP)

Linkedin (fundacaolivrorp)

Twitter (@FundacaoLivroRP)

Youtube (FeiraDoLivroRibeirao)

Plataforma www.fundacaodolivroeleiturarp.com

Sobre a Fundação

A Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos. Trata-se de uma evolução da antiga Fundação Feira do Livro, criada em 2004, especialmente para realizar a Feira Nacional do Livro da cidade. Hoje, é considerada a segunda maior feira a céu aberto do país. Em 2020, a Feira tornou-se internacional e entraria na 20ª edição. Por isso, recebeu recentemente nova identidade, apresentando-se como FIL (Feira Internacional do Livro de Ribeirão Preto), mas foi remarcada para agosto de 2021 devido à pandemia do novo Coronavírus.

Com uma trajetória sólida e projeção nacional e agora internacional, ao longo de seus 20 anos, a entidade ganhou experiência e, atualmente, além da Feira, realiza muitos outros projetos ligados ao universo do livro e da leitura, com calendário de atividades durante todo o ano. A Fundação se mantém com o apoio de mantenedores e patrocinadores, com recursos diretos e advindos das leis de incentivo, em especial do Pronac e do ProAc.

Contato | Anuncie
Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com