Negócios em Foco

Páscoa não é feita só de ovo


São Paulo 30/03/2021 20h07

Marcas próprias geram economia de até 29% na ceia da Semana Santa

Com a crise da economia no Brasil, impulsionada pela pandemia da Covid-19, as marcas próprias estão sendo constantemente procuradas pelos consumidores, que buscam novas formas de economizar. Com a aproximação da Semana Santa, não será diferente. Segundo a ABMAPRO - Associação Brasileira de Marcas Próprias e Terceirização, neste ano, muitos deles vão deixar os ovos de Páscoa de lado e optar por bombons e tabletes, além das opções de outros produtos que também são consumidos na data.

Um levantamento feito pela MindMiners, empresa de tecnologia especializada em pesquisa digital, mostra que 55% das pessoas não vão comprar ovos de Páscoa, pois declaram que os preços estão muito altos, e 21% alegam estar desempregados ou economizando. Além disso, sobre os intuitos de compra do estudo, 49% almejam comprar caixas de bombom ou barras de chocolates.

Para Neide Montesano, Presidente da ABMAPRO, as marcas próprias são uma excelente opção para quem deseja economizar com os itens que compõem a cesta da ceia da Semana Santa, pois apresentam até 29% de economia para o consumidor, se comparadas às marcas tradicionais. “A Páscoa não se limita apenas aos tradicionais ovos, muitos produtos têm alta procura nesta época do ano, como é o caso dos azeites, vinhos, colombas pascais, caixas e barras de chocolate, entre outros”, afirma.

Pensando nisso, a ABMAPRO fez um comparativo dos valores da Cesta de Páscoa das marcas próprias especificamente para o varejo supermercadista, considerando casos de redes nas cidades de São Paulo e do Rio de Janeiro.

Em São Paulo, os valores dos produtos das marcas próprias estão 23,05% mais baratos comparados aos preços das marcas líderes. Já a mesma análise feita no Rio de Janeiro mostra que os itens da Cesta Pascal das marcas próprias, apresentaram 29,33% de economia das marcas tradicionais.

“Estamos bastante otimistas com as vendas na semana da Páscoa. Os números apresentados nas tabelas de ambas as capitais são reflexos de que as marcas próprias estão agregando muito aos consumidores, tanto em qualidade quanto em economia”, finaliza Neide Montesano.

Sobre a ABMAPRO

Fundada em novembro de 2006, a ABMAPRO é a única associação que representa as marcas próprias no Brasil e na América Latina. A principal missão da entidade é unir os três pontos principais do setor: fornecedores, donos de marcas e o consumidor final. Com esse tripé, é possível levar à família brasileira produtos de qualidade e que garantem uma economia de até 25%. A marca própria é a principal maneira de democratizar o consumo e permitir que as pessoas tenham acesso a diferentes produtos.

Contato | Anuncie
Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com