Negócios em Foco

Em entrevista, especialista em Marketing Digital conta por que desistiu da CLT

Meline Longhi cita, entre outros aspectos, a necessidade de sentir "livre em todos os aspectos"


26/03/2020 08h26



Após se tornar especialista em Marketing Digital, Meline abriu uma empresa e começou a cursar Psicologia, para entender muito mais de comportamento humano e agregar nas suas ações de Marketing Digital.

O que ela não esperava é que trabalhar com Marketing Digital não seria sua grande paixão.

Ao notar a quantidade de perguntas que jovens tinham em relação a como largou seu emprego e se jogou no mundo dos negócios tão nova, ela quis proporcionar às pessoas exatamente o que elas precisavam: a possibilidade de uma vida nova, livre e fora da CLT!

Mesmo jovem, ela já tem 5 anos de experiência. Atua na área desde seu primeiro emprego. E, é claro que assim como muitos empreendedores, a empresária passou por maus bocados no seu negócio. “Principalmente no início, é onde considero a fase mais estressante e que mais precisa de cuidado. É o início que vai definir seu sucesso... ou seu fracasso. Eu ‘patinei’ muito no início por não ter preparo e ninguém para me aconselhar. Senti muita falta disso.”, aponta. “Se eu tivesse a visão que tenho hoje, considero meus primeiros 6 meses perda de tempo.”.

E, conforme foi estudando e aperfeiçoando seus serviços, sentiu a necessidade de ajudar mais pessoas. Chegou em um ponto que queria trazer transformação REAL para seu público.

“Aquele tipo de serviço, onde eu fazia tudo pelo cliente, não trazia transformação. O cliente entrava num estágio de conhecimento sobre marketing e terminava o contrato no mesmo estágio porque toda a parte 'mão na massa' era feita por mim. E foi aí que comecei a dar atenção para as pessoas que vinham até mim com sede de mudança.”

O que ela fez?

Reavaliou seu modelo de negócio, aproveitou seu próprio case e o interesse do seu público em como saiu da CLT e não morreu de fome e lançou uma metodologia, prática, de como se lançar no mercado e empreender.

Ela não fez um lançamento, nem uma divulgação grandiosa desse novo negócio. “Chamei as pessoas que tinham dúvidas sobre isso, uma a uma, e ofereci meus serviços. Só depois de transformar 67 funcionários em empreendedores, comecei a ver que realmente dava certo. Eu nunca iria lançar algo sem testar. Seria contra meus princípios.” Essa metodologia já foi aplicada mais de 100 vezes e deu oportunidade para cerca de 1000 novos lançamentos de produtos e serviços no mercado digital – que deram lucro.

Como Meline pode ajudar você no seu próximo passo?

Ela não ficou presa à sua formação em marketing digital.

“Quando nasce um empreendedor, nasce também um polímata. Você sente necessidade de estudar sobre business, financeiro, comercial. Você é um pouco de cada área e não ter um norte no início torna o caminho mais difícil.”.

Não, a empresária não precisou de mais uma faculdade nessa área para entrar de cabeça. Nem de anos de estudo e preparação para alavancar um negócio.

Bastou tomar uma decisão: pedir demissão e nunca mais voltar.

Em 1 ano de empresa, faturou perto dos 100 mil e viu de perto as pedras no caminho. “Vi que o universo é abundante. Antes, tinha muito mês para pouco salário e muito esforço para pouco reconhecimento. Hoje, sou finalmente livre financeiramente. E, agora, tenho muita vontade de ensinar isso aos próximos empreendedores, realmente transformá-los e encurtar caminho.” Esse, aliás, é o grande atalho!

 



Website: https://www.linkedin.com/in/melinelonghi/



Compartilhe esta notícia

Contato | Anuncie
Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com