Negócios em Foco

Summit Novo Mercado Imobiliário: inovação e revolução digital direcionam um caminho sem volta para o setor


Ribeirão Preto 10/07/2020 15h55

Segundo dia de evento mostrou que, mesmo diante do atual cenário, o setor mostra-se sólido e que as possibilidades dos meios digitais devem ser alternativas com novas soluções estratégicas

Ribeirão Preto (SP), 9 de julho de 2020 – O evento online Summit Novo Mercado Imobiliário trouxe à tona debates sobre importantes temas do setor de construção civil e do mercado imobiliário. O evento, gratuito, teve início no dia 7 de julho e terminou nesta quinta-feira (9).

O segundo dia de atividades do debate digital especializado foi aberto pelo painel “Os caminhos para venda digital de imóveis” e contou com a participação dos profissionais Flavio Fratucci (Growww), Fabio Matsunaka (Terravista), Carlos Moreira (Próxima Porta), Guilherme Blumer (Brasil Brokers) e Nilson Souza (Bild). Durante a abordagem, o grupo demonstrou que a venda digital dentro do segmento imobiliário é uma realidade que precisa ser explorada, principalmente diante da pandemia global causada pelo novo Coronavírus.

Segundo debatedores, o atual momento pode ser compreendido como um ponto decisivo de mudança e mais um incentivo para explorar as possibilidades oferecidas pelo meio digital. “Nós atuamos em diferentes cidades do interior paulista e, recentemente, iniciamos as operações em Minas Gerais. Esse processo de migração para o digital já estava em andamento; por exemplo, já atuávamos com a modalidade de contrato digital. Diante da pandemia, estamos acelerando esse processo”; apontou Nilson Souza, gestor comercial da Bild Desenvolvimento Imobiliário.

Apesar da excepcionalidade da crise sanitária que assola o país, é preciso, segundo os participantes do painel, manter o foco no cliente, que ainda necessita do contato presencial, entre eles, a visita física. E, quando o assunto é venda digital, o mais indicado é fornecer aos potenciais clientes informações sobre essa modalidade.

Outro ponto sinalizado pelos especialistas é que as empresas e profissionais do setor se atentem para as características dos seus públicos. “O mercado imobiliário tem muito o que aprender sobre conceitos como ´o usuário no centro´, desenvolver ações voltadas para o cliente, a experiência do usuário, ou seja, fazer com que o cliente sinta-se confiante diante daquela venda e do processo”, explicou Flavio Fratucci, da Growww. Na opinião de Nilson, o mercado está diante de uma revolução e a digitalização de todos os setores é uma realidade. “Temos que realmente pensar como clientes, retroalimentar a nossa cadeia para que nossos produtos e estratégias de venda sejam os mais assertivos possíveis”, concluiu.

O segundo painel do dia tratou do tema “O novo momento do marketing imobiliário” e contou com participação de Fernando Gibotti (GS Ciência do Consumo), Marcelo Dadian (OLX Brasil), Larissa Oliveira (Resultados Digitais), Rodrigo Werneck e Thiago Fernandes. Com o intuito de discutir as principais tendências do Marketing Digital, os participantes abordaram questões como o novo padrão de consumo, impactos da pandemia e a importância da presença digital. “Praticamente, estamos numa fase de confluência de novos desafios”, pontuou Fernando Gibotti. Os profissionais também mostraram que desafios, dentro deste contexto, devem ser encarados como oportunidades.

Para Marcelo Dadian, da OLX, durante o período de isolamento social, a plataforma em que sua empresa atua – especializada por intermediar a compra e venda de produtos diversos – obteve recorde de acessos. Entre os produtos que apresentaram aumento de procura, estão imóveis e materiais para reforma em construção civil, que foram alvo de mais de 1,5 milhão de buscas por usuários.

O olhar atento ao cliente voltou à cena neste painel com a indagação do gestor da OLX: “como a gente pode ajudar a tornar a jornada do consumidor mais fácil?”. Um caminho, segundo Marcelo, é oferecer informações e uma experiência de venda impecável aos clientes. Para isso, alertou que é preciso o cuidado com a gestão da presença digital. Segundo Larissa Oliveira, da RD, as empresas já estão atentas a este ponto. “Esse esforço gera frutos para além da pandemia”, ressaltou. Os debatedores concordaram: contar com uma presença digital bem estruturada e bons canais de diálogo com os clientes é uma necessidade.

Além disso, diante das incertezas geradas pela pandemia, estar sensível às mudanças e experiências de potenciais clientes, que no momento têm que lidar com novas preocupações, foi outro indicativo para os participantes. “Como você pode compartilhar uma informação ou ponto de visão, para suprir a preocupação do seu potencial cliente?”, questionou Larissa. “Tente entender como está o seu consumidor e quais são seus desafios, traçar uma jornada de compra e atrai-lo para a conclusão do processo. Neste momento, essa estratégia é um diferencial importantíssimo”, apontou a gestora da RD.

Já para Rodrigo Werneck, a importância dessa preocupação é ainda mais relevante quando constata-se que, muitos empresários ainda entendem o digital como “ter um site”. O painel sinalizou que pensar no meio online envolve questões muito tangíveis, como contrato digital e a assinatura eletrônica. “Muitas imobiliárias ainda não têm clareza de como, por exemplo, gerar tráfego em seus canais”, destacou. Para ele, ter atenção neste ponto é capaz de gerar significativos impactos nas estratégias de venda, pois diante de medidas de isolamento social, é preciso encarar o digital como necessidade e utilizar todas as possibilidades do meio.

O último painel do dia, apresentado com o tema “Quais as startups inovadoras do mercado imobiliário”, contou com a participação de Lilian Natal (Distrito), Nicolaos Theodorakis (Noah), Rafael Kevin (ConstruConnect) e Bruno Loreto (Terracotta). Durante a transmissão, os convidados abordaram a necessidade de se trazer uma perspectiva diferente para o setor de construção civil. Lilian Natal comentou que o mercado imobiliário ainda possui suas particularidades.

Com outro olhar, Theodorakis afirmou que para se inovar é importante buscar conexões com a cadeia produtiva e propor soluções de alto impacto. “Na nova economia, é preciso estar conectado”, pontou Bruno Loreto. O profissional acrescentou que essa postura evita que ideias sejam má concebidas, já que pode haver mais aderência entre os objetivos, metas e a realidade do mercado e a cadeia produtora em que se está inserido.

Rafael Kevin, da ConstruConnect, mostrou que dentro do mercado de construção, um dos caminhos da inovação é a busca constante em otimizar processos e investir nas relações com clientes. É neste ponto que a tecnologia deve ser usada de forma estratégica. “Ainda mais diante do cenário de pandemia que impactou diretamente o índice de intenção de compra. Novas práticas são necessárias, principalmente no meio digital. “Mas, já se vê várias imobiliárias se adaptando a este período”, explicou, ao relatar que a retomada é esperada. “A indústria é muito forte, já passou por muitos ciclos”, concordou Theodorakis, afirmando que, embora o atual momento gere preocupações, as empresas do setor estão melhor preparadas para fazer a travessia e implementar projetos inovadores.

Um comentário foi consenso entre participantes do evento, pensar e implementar processos inovadores é um caminho sem volta. Para Lilian Natal, quem atua neste mercado deve sempre se perguntar: qual é a inovação que vai ‘matar’ o meu negócio? Tendo isso em vista, é preciso sempre agir em sintonia com as mudanças. “Se a sua empresa não inova, ela morre”, concluiu.

Sobre a Bild Desenvolvimento Imobiliário

Fundada em 2007, a Bild Desenvolvimento Imobiliário é uma incorporadora e construtora reconhecida pela capacidade de identificar grandes oportunidades no mercado imobiliário. É uma empresa com mais de 12 anos de atuação nas cidades de Ribeirão Preto, Bauru, Araraquara e Franca. Possui uma multiplicidade de empreendimentos residenciais, comerciais e hoteleiros, totalizando mais de 6.400 unidades lançadas e 3.500 clientes: são 41 empreendimentos lançados, destes 20 já foram entregues (incluindo dois hotéis).

Sobre a Vitta Residencial Construtora e Incorporadora

A construtora atua no mercado regional do Estado de São Paulo e Minas Gerais e tornou-se referência no setor imobiliário, com mais de 17 mil imóveis lançados nas cidades de Ribeirão Preto, Sertãozinho, Bauru, Araraquara, Piracicaba, Jaboticabal, Franca e Serrana e, recentemente, Uberlândia. São 10 anos de construção de uma história de marca de valor, apoiados em inovação, competitividade e foco constante no cliente. A Vitta Residencial já entregou mais de 9 mil unidades neste período de atuação no mercado regional. Hoje vem ampliando, de forma acelerada, seu desenvolvimento para manter-se como uma marca empregadora e em pleno ritmo de expansão pelo País.

Sobre a Felí

A empresa, especialista em crédito imobiliário, é uma spin-off do grupo Bild e Vitta. Nasceu em 2020, por isso, é conhecida como a novata mais experiente do mercado. Atua como correspondente bancário desde 2012, sendo que neste tempo já atendeu a mais de 10 mil clientes, disponibilizando mais de R$ 1 bilhão de crédito através dos principais bancos.

Atendimento à Imprensa

Verbo Nostro Comunicação Planejada – (16) 3632-6202 / 3610-8659

Jornalistas responsáveis:

Andrea Berzotti (16) 99138 6185 (andrea@verbo.jor.br)

Luciana Grili (16) 99152 2707 (luciana@verbo.jor.br)

Valter Jossi Wagner (16) 99152 2700 (valter@verbo.jor.br)

Colaboração: Gabriel Duarte

Contato | Anuncie
Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com