Negócios em Foco

DocuSign anuncia resultados financeiros do primeiro trimestre de 2021


São Paulo 05/06/2020 14h07

DocuSign incentiva o isolamento social - DocuSign

A DocuSign, Inc. pioneira em assinaturas eletrônicas e líder na gestão de documentos em nuvem, parte do DocuSign Agreement Cloud, anunciou hoje os resultados do seu trimestre fiscal, encerrado em 30 de abril de 2020.

"Nossos fortes resultados no primeiro trimestre refletem nossa capacidade de ajudar as organizações a acelerarem sua transformação digital à medida que se adaptam ao ambiente de negócios em mudança, ampliado pelo COVID-19. Muitos estão dando seus primeiros passos conosco, enquanto outros estão expandindo suas iniciativas", afirmou Dan Springer, CEO da DocuSign. "Lideradas pela assinatura eletrônica, nossas ofertas de gerenciamento de contratos na nuvem não estão apenas ajudando os clientes a continuarem com os negócios em tempos de crise, mas continuarão a agregar valor à medida que o mundo emergir".

Destaques financeiros do primeiro trimestre

• A receita total foi de US$ 297,0 milhões, um aumento de 39% ano a ano. A receita de assinaturas (subscription revenue) foi de US$ 280,9 milhões, um aumento de 39% em relação ao ano anterior. Os serviços profissionais e outras receitas foram de US$ 16,1 milhões, um aumento de 29% em comparação ao mesmo período do ano passado;

• O faturamento foi de US$ 342,1 milhões, um aumento de 59% em relação ao ano anterior;

• A margem bruta GAAP* (Princípios Contábeis Geralmente Aceitos, em português) foi de 75%, em comparação com 76% no mesmo período do ano passado. A margem bruta não-GAAP foi de 79% nos dois períodos comparativos.

• O prejuízo líquido GAAP por ação básica e diluída foi de US$ 0,26 em 183 milhões de ações em circulação, comparado a US$ 0,27 em 172 milhões de ações em circulação no mesmo período do ano passado;

• O lucro líquido não-GAAP por ação diluída foi de US$ 0,12 em 197 milhões de ações em circulação, comparado a US$ 0,07 em 189 milhões de ações em circulação no mesmo período do ano passado;

• O caixa líquido fornecido pelas atividades operacionais foi de US$ 59,1 milhões, comparado a US$ 45,7 milhões no mesmo período do ano passado;

• O fluxo de caixa livre foi de US$ 32,8 milhões, comparado a US$ 30,4 milhões em 2019;

• Lucro, equivalentes de lucros, lucros restritos e investimentos foram de US$ 898,3 milhões no final do trimestre.

Uma explicação para as medidas de reconciliação entre medidas financeiras GAAP e não-GAAP está incluída neste documento, sob o título "Medidas financeiras não GAAP e outras métricas importantes".

Destaques operacionais e outros destaques financeiros

• DocuSign Agreement Cloud: versão 2020 release 1. Como a mais recente na cadência regular de atualizações de produtos da DocuSign, a primeira versão deste ano se concentrou em aprimoramentos e recursos solicitados principalmente pelos clientes. Isso inclui o Agreement Cloud Editor, que ajuda a criar modelos de contrato usando os campos de dados do Salesforce; aprimoramentos no DocuSign Click, que oferecem maior personalização e suporte a clickwrap; ID Evidence, que permite a captura de informações de documentos de identificação para empresas de setores regulados; e a expansão dos pagamentos da DocuSign para todos os países e moedas suportados por nossos parceiros de gateway de pagamento: Stripe, Braintree, Authorize.net, CyberSource e Zuora.

• Fechamento da aquisição do Seal Software. Em 1º de maio, a DocuSign concluiu a aquisição da Seal Software, um dos principais fornecedores de tecnologia de análise de contrato e inteligência artificial ("IA"). A DocuSign agora trabalhará para trazer o poder da engine de IA da Seal primeiro para o DocuSign CLM e, com o tempo, para todo o portfólio de produtos para tornar o Agreement Cloud cada vez mais inteligente.


Mais informações:

Contato | Anuncie
Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com