Negócios em Foco

Startup ajuda a economizar até 80% no frete em compras na Austrália


São Paulo - SP 13/07/2021 09h07

BRaustralia facilita processo, com logística e depósito que geram redução no valor do envio de encomendas; compras de brasileiros aumentaram 300% na pandemia

BRaustralia a economizar até 80% no frete de compras na Austrália - Divulgação

Com as fronteiras fechadas desde o início da pandemia, a Austrália deixou de ser opção para os brasileiros que aproveitam a viagem para comprar importados com preços em conta. Como lá a maioria das lojas online não entrega no Brasil, o empreendedor Roger Domingos enxergou uma oportunidade e criou a BRaustralia (www.braustralia.com), que oferece gratuitamente um endereço local para recebimento e armazenamento dos itens e consegue economia de até 80% no valor do frete com a otimização de pacotes e envio internacional único.

“Muitos produtos custam menos do que a metade do que o cobrado no Brasil, ainda mais porque o dólar australiano tem cotação mais vantajosa do que o americano e aumenta o poder de compra do brasileiro em até 20%”, diz o fundador da startup. O cliente recebe um endereço exclusivo para a entrega e consegue juntar vários itens em um mesmo fardo, otimizando o espaço e reduzindo o frete para o Brasil. O envio de uma caixa de 1 kg, por exemplo, custa cerca US$ 65. Se forem 20 embalagens, somará US$ 1.300. Com os serviços da BRaustralia o valor cai para, aproximadamente, US$ 300 – US$ 1.000 a menos.

A plataforma foi criada em 2015, quando Domingos, que vivia na Austrália havia dois anos, fez um blog com dicas de compras e de promoções. Como recebia muitos pedidos para envio de importados, passou a oferecer o redirecionamento de encomendas, no fim de 2018. “Inicialmente, estocava os produtos na garagem da minha casa. Com a crescente demanda, passamos a ter um galpão no badalado bairro de Collingwood, em Victoria, uma localização estratégica para a logística de recebimento e envio das encomendas – a 3 km de alguns dos maiores shoppings e zonas comerciais do país e a menos de meia hora do Aeroporto Internacional de Melbourne”, conta.

De eletrônicos a roupas e cosméticos, os produtos entregues pelas lojas podem ficar armazenados até 180 dias no depósito da empresa, a depender do plano escolhido. No grátis o prazo é de um mês, no plus é de 90 dias e no premium é de seis meses. Os pacotes pagos incluem fotos dos itens, assinatura no momento da entrega e descontos exclusivos, entre outros serviços. O último inclui até o Personal Shopping Specialist, que faz todo o processo para o cliente. Após a finalização das compras e autorização do consumidor, a BRaustralia faz, então, a consolidação das caixas e o despacho para o Brasil. “Sempre o mantemos informado, com notificações de e-mail e SMS com rastreamento desde a chegada do produto ao nosso depósito até o recebimento na casa dele”, diz Domingos.

Volume de compras de brasileiros cresceu 300% na pandemia

O número de transações aumentou em 300% na BRaustralia durante a pandemia. “O impedimento temporário de viagens para o exterior, as fortes restrições nas fronteiras, o isolamento e as lojas fechadas dificultaram a vida de quem gosta de boas compras ou trabalha com importados. Usar os nossos serviços de redirecionamento de encomendas é a melhor opção para comprar na Austrália, a preço de duty free, com segurança e sem colocar o pé para fora de casa”, afirma o empreendedor.

O custo-benefício é ainda maior por conta dos valores locais e promoções australianas. “De modo geral, comprar produtos na Austrália sai de 30% a 60% mais em conta que no Brasil. Com a BRaustralia, o brasileiro não precisa atravessar o mundo para fazer compras no exterior. A gente faz a ponte e proporciona economia de tempo e dinheiro”, diz o criador da startup.


Mais informações:

Contato | Anuncie
Copyright © 2021 | Todos os direitos reservados.

Negócios em Foco

Notícias empresariais

Localização
São Paulo - SP, Brasil

E-Mail
redacao@negociosemfoco.com